Darci Lermen se reúne com servidores da assistência social

Darci Lermen se reúne com servidores da assistência social
janeiro 07 09:47 2017 Print This Article

Prefeito e titular da Semas animam categoria para o resgate dos projetos voltados para os mais carentes

Depois de passarem quatro anos vendo a destruição da assistência social de Parauapebas, os servidores da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) receberam uma importante injeção de ânimo numa reunião que tiveram na manhã de hoje, 6, com o prefeito Darci Lermen e o titular da pasta, Jorge Guerreiro. O encontro foi no auditório do Centro Universitário de Parauapebas (Ceup) e contou também com as presenças do secretário municipal de Planejamento, João Corrêa, do presidente da Câmara de Vereadores, Elias da Construforte (PSB), da adjunta da Semas, Suely Guilherme, e presidentes dos conselhos municipais e tutelares.
Conforme frisou Darci Lermen, “a saúde é para todos, a educação é para todos, mas a tarefa da assistência social é cuidar daqueles que mais precisam”. E, para isso, é preciso que todos os servidores da Semas sejam motivados a resgatar os projetos sociais, que estavam completamente esquecidos e que, nesta semana, começam a ganhar vida novamente com o novo governo municipal.
Crianças e adolescentes carentes ou em situação de risco, idosos abandonados, pessoas com deficiência, famílias em situação de pobreza e moradores de rua voltam a merecer atenção e proteção da prefeitura apesar da queda no orçamento para a assistência social, neste ano, de R$ 36 milhões, em 2016, para R$ 20 milhões.
Entre os projetos mais esperados pela população de Parauapebas está aquele que foi chamado de Criar e que agora volta ao velho e bom nome: Pipa. Uma equipe está cuidando da área para que crianças e adolescentes carentes recebam educação e demais cuidados do poder público.
No próximo dia 14, um grande mutirão de limpeza está programado para ser realizado no espaço do Projeto Pipa, com a presença de Darci Lermen, que no encontro com os servidores da Semas ressaltou que o sucesso dos projetos sociais vai depender do empenho e do compromisso deles com as causas sociais. No que compete à prefeitura, assegurou o prefeito, “os projetos que não andavam serão desamarrados e vão andar”. “Tudo vai depender de vocês. Quero que vocês se sintam motivados”, disse Darci Lermen.
Ao destacar a importância dos servidores, o secretário de Assistência Social reforçou que os projetos sociais da prefeitura foram abandonados não por falta de recursos, mas de compromisso da administração pública. “O problema não é técnico”, apontou Jorge Guerreiro, que garantiu aos servidores: “Vocês terão o valor reconhecido”.
Conselhos municipais e tutelares falam em parceria
Na reunião, o presidente do Conselho Municipal de Assistência Social (Comasp), George Rodrigues, confessou estar ansioso “pelos resultados que virão” a partir do resgate dos projetos sociais. Tamanha ansiedade tem explicação: foi grande a luta do Comasp e demais conselhos para evitar o desmonte da assistência social ao longo dos últimos quatro anos. “Nós acreditamos que os problemas podem ser resolvidos agora, e queremos dizer que o conselho é parceiro da secretaria”, disse Rodrigues.




Darci Lermen reconhece tanto a importância dos conselhos, como representantes da sociedade, que adiantou: poderá criar uma espécie de “casa dos conselhos”, para que a participação popular seja ainda maior. “Ao refletir sobre a participação popular, nós entendemos que os conselhos podem ser essa ponte para nós”, disse o prefeito.
Texto: Hanny Amoras – ASCOM/PMP
Fotos: Mateus Costa

Comentários

  Categories:
view more articles

About Article Author

Ana Moreira
Ana Moreira

View More Articles